Fórmula 1 – Imprensa italiana volta a criticar a equipe Ferrari.

A imprensa italiana voltou a atacar a Ferrari após mais uma corrida negativa no Grande Prêmio do Japão. “A Ferrari está em ruínas”, dizia a Gazzetta dello Sport. “Há estratégias que cometem erros, um piloto fraco que não aprende nada com os seus erros, um chefe que ataca a sua própria equipe e um monoposto em declínio. Antes de Monza, ninguém poderia ter imaginado tal colapso”, diz a notícia do principal jornal esportivo italiano.

 

O jornal La Stampa escreve: “Talvez seja falta de sorte, mas também é um fato que o Sebastian Vettel não faz mais nada certo”. O Corriere dello Sport também ataca a organização: “O problema só pode ser a equipe e os seus pilotos; o Vettel está numa crise existencial profunda”.

 

“O alemão aumentou a sua coleção de erros horrorosos destruindo uma largada fantástica. Estes erros são uma expressão de profunda instabilidade dentro do tetracampeão mundial, que está passando por uma crise de confiança”, diz a notícia do Corriere della Sera.

 

O La Repubblica também aponta o dedo a Maurizio Arrivabene: “Enquanto Hamilton se aproxima do record de Fangio, a temporada da Ferrari fracassa. Vettel escolheu o pior momento para perder e a Ferrari quebra sob o comando do chefe Maurizio Arrivabene, que critica o seu próprio pessoal”.

A Ferrari esta em ebulição e a imprensa italiana, sendo imprensa italiana.

Um comentário em “Fórmula 1 – Imprensa italiana volta a criticar a equipe Ferrari.

  • 15 de outubro de 2018 em 10:33
    Permalink

    Sou descendente de italiano porém não gostei de algumas coisas que a Ferrari postou no YouTube a respeito de motor pista e pilotos cada um colhe o q planta porém as coisas acontece conforme o merecido e uma grande equipe sabe criar grandes possibilidades do os parabéns a Redbull e a Mercedes sem mais

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *