Espírito Santo busca seu espaço no Kartismo

Longe dos holofotes dos principais centros do automobilismo e kartismo nacional, os
pilotos capixabas correm literalmente pela paixão e expectativa de atrair a atenção de
patrocinadores, visando disputar etapas dos campeonatos nacionais e outros
regionais. Apesar de contar com apenas um kartódromo homologado pela CBA,
contam com estrutura e dependências em ótimas condições, além de ampla gama de
pistas disponíveis no Kartódromo Internacional de Serra (KIS). Em nível comparável
ao nacional, o KIS sediara a 1ª fase do 48° Campeonato Brasileiro de Kart (2013), com
os treinos, classificatórias e finais das categorias Mirim, Cadete, Junior Menor, Junior,
Sudam, Super Cadete, Shifter e F4.
Sem contar com investimentos do setor privado e tão pouco de governos, o kartismo
do Espírito Santo tomou forma em 1998, ao passar a prática do esporte em espaço
próprio e definitivo. No espaço cedido pela prefeitura de Serra, a Associação
Espiritossantense de Pais e Pilotos de Kart (ASSEPAK) reuniu 150 mil reais e
edificaram as instalações e a pista do atual kartódromo. Jovens e graduados kartistas
utilizam regularmente o KIS para treinos, assim como para as disputas do
Campeonato Capixaba de Kart.

48° Brasileiro e Kart (2013), no Kartódromo Internacional de Serra – Foto: Orlei Silva
48° Brasileiro e Kart (2013), no Kartódromo Internacional de Serra – Foto: Orlei Silva

 

Na luta por espaço no esporte majoritariamente disputado por homens, Hanna Leite,
de 19 anos, chama a atenção. Não só por ser a única representante do gênero
feminino, mas também por sua rápida adaptação e resultados obtidos em pouco
tempo. Iniciada no kartismo por influência de seu pai, o também piloto Cristiano Leite,
a paixão pela velocidade flui por suas veias e a fez superar desafios: emagrecer para
reduzir a desvantagem de peso para os concorrentes na pista. Missão dada, missão cumprida. Em 2012 terminou em 4° no geral da F400, mesmo resultado obtido após a
troca de categoria, migrando para a Novatos em 2013.
Apesar disso, a falta de patrocínios não permitiu a piloto correr em todas as etapas do
Campeonato Capixaba de 2014, porém sendo vencedora na Novatos em duas
oportunidades, além de cravar uma pole e duas melhores voltas. E mesmo assim, tem
assegurada sua vaga na Copa das Federações, a ser realizada no mês de Dezembro
em Volta Redonda. Além das provas no KIS, Hanna disputara o Open do Brasileiro
(Itu), pela equipe D2 Motorsport, de Danilo Ramalho, adquirindo mais experiência em
uma competição nacional e trocando posições de pista com kartistas de maior
quilometragem.

Hanna Leite em ação – Foto: Planet Kart
Hanna Leite em ação – Foto: Planet Kart

A jovem capixaba serve de exemplo para outros adolescentes, não apenas no
kartismo e cita um pensamento do ídolo Ayrton Senna: “Seja você quem for, seja qual
for a posição social que você tenha na vida, a mais alta ou a mais baixa, tenha sempre
como meta muita força, muita determinação e sempre faça tudo com muito amor e
com muita fé em Deus, que um dia você chega lá. De alguma maneira você chega lá.”.
E ela diz isto com propriedade após vencer os obstáculos para estar no kartismo e
hoje está 17 kilos mais magra e cada dia mais focada nos treinos e objetivos, sem
deixar de lado os estudos, no caso a graduação em Direito.

Hanna no alto do pódio, com seu pai – Foto: José Augusto Tovar
Hanna no alto do pódio, com seu pai – Foto: José Augusto Tovar

Piloto e chefe da equipe Xtreme Racing, Cristiano Leite lidera a F400 com duas etapas
vencidas no calendário atual. Aloísio Junior é outro membro da família na disputa do
Capixaba na F400. Assim como o kartismo no Espírito Santo busca estar sob os olhos
da imprensa, a Xtreme Racing segue sem apoio direto de patrocinadores, apesar dos
resultados positivos da equipe. A próxima data no calendário do Campeonato
Capixaba será nos dias 20 e 21 de Setembro, com 4 corridas ao todo para definição
dos campeões em cada categoria. Fique ligado, vale conferir e acompanhar Hanna
Leite e sua equipe.Pra cima deles garota!

 

 

 

 

 

 

Um comentário em “Espírito Santo busca seu espaço no Kartismo

  • 11 de agosto de 2017 em 03:53
    Permalink

    Me lembro como se fosse hoje Grande dia!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *