VW Taos redefine os conceitos de iluminação dos SUVs médios.

Quando o assunto é iluminação automotiva, a Volkswagen é referência. Após lançar o Nivus com faróis e lanternas 100% em LED e democratizar a tecnologia entre os utilitários esportivos compactos, a marca surpreende mais uma vez e traz para o mercado brasileiro o moderno sistema IQ.Light, que desembarca por aqui equipando o Taos e elevando para um novo patamar os recursos de iluminação no segmento dos SUVs médios.

O objetivo da Volkswagen em desenvolver sistemas de iluminação cada vez mais eficientes ultrapassa a barreira de entregar a melhor tecnologia para o conforto e segurança somente do motorista e dos passageiros. Um bom sistema de luzes é atualmente sinônimo de segurança também para ciclistas, pedestres e até mesmo animais, que conseguem visualizar o carro, além de ser responsável diretamente pela economia de combustível e redução das emissões de CO².

Você sabia, por exemplo, que 50% dos motoristas sentem-se estressados com a baixa qualidade de iluminação de um veículo, de acordo com GIDAS (German in depth accident study)? Pois é. Uma excelente iluminação é mais que importante. É primordial!

100% em LED + IQ.Light

O Taos é a nova referência em iluminação entre os SUVs médios no Brasil, estabelecendo o mais elevado nível de excelência na categoria. Além de luzes 100% em LED, o modelo fabricado no complexo industrial de General Pacheco, em Buenos Aires, na Argentina, é equipado com a tecnologia IQ.Light, a mais moderna disponível no Grupo Volkswagen.

Os faróis com IQ.Light geram 900 lúmens, proporcionando impressionante capacidade de iluminação. Apenas como forma de comparação, uma lâmpada automotiva incandescente comum gera entre 360 e 450 lúmens. Ou seja, a tecnologia IQ.Light tem uma capacidade luminosa muito superior em relação às lâmpadas halógenas. Lembrando que quanto maior o número de lúmens melhor o fluxo luminoso (quantidade de luz emitida).

Os recursos também vão muito além de uma capacidade incrível de iluminar o caminho. No caso do Taos, o IQ.Light traz o sistema de luz frontal adaptativa, conhecida pela sigla AFS (Adaptive Front-lighting System). E como o próprio nome diz, a luz emitida pelos faróis do SUV se adapta a partir da interpretação de diversas informações, como velocidade, ângulo de direção, condições do tempo e dados da rota, entregando assim a melhor iluminação possível ao motorista, sem prejudicar a visibilidade dos outros condutores e também de pedestres e ciclistas.

O AFS tem cinco funções. São elas:

– Village/City Light – Quando o Taos está rodando a baixas velocidades (entre 10 km/h e 35 km/h) no perímetro urbano, o sistema automaticamente se adapta para que o motorista tenha uma iluminação eficiente mais próxima do carro.

– Motorway Light – Em situações que o carro trafega a uma velocidade acima de 110 km/h em rodovias, por exemplo, o facho se adapta automaticamente para proporcionar uma visibilidade mais distante do veículo, permitindo que o motorista veja o que está acontecendo mais adiante e se antecipe a qualquer situação inesperada.

– Country Light – Quando o veículo está acima de 35 km/h, o farol baixo é automaticamente acionado.

– Dynamic Bending Light – O veículo também possui o sistema de farol de curva dinâmico, que faz com que os fachos dos faróis se ajustem horizontalmente acompanhando a trajetória do veículo em curvas, dependendo da velocidade e do ângulo de esterçamento do volante.

– Ajuste do Farol Alto – Com este recurso, o motorista do Taos não ofusca a vista do motorista que trafega no sentido contrário enquanto utiliza o farol alto. Assim que detecta um carro vindo no sentido oposto, o sistema baixa o facho automaticamente, impedindo que o outro motorista tenha a visibilidade prejudicada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *