Moto GP – A última etapa será na “montanha russa” de Portmão.

Os pilotos da Yamaha viajaram para Portimão, em Portugal, para a etapa final da MotoGP, que será realizada no Autódromo Internacional do Algarve. Considerado muito desafiador pelas subidas e descidas da pista, o circuito é comparado a uma montanha-russa. A prova será no domingo, 22, mas os pilotos já começam a acelerar nesta sexta-feira, com os treinos livres.

 

Maverick Viñales e Valentino Rossi, da Monster Energy Yamaha MotoGP, querem encerrar a temporada da melhor forma e, acima de tudo, esperam se divertir bastante no final de semana. Depois de testar no circuito em outubro, Viñales se declarou apaixonado pela pista. O piloto espanhol está em quarto lugar na classificação geral, mas tratará este GP como um evento individual, onde quer obter o melhor resultado possível.

 

Valentino Rossi também gostou muito da pista de Portimão. Achou muito divertido acelerar lá, tornando o final da temporada ainda mais emocionante para os fãs. A pista tem mais aderência do que o circuito de Valência e o italiano espera que isso possa ser uma vantagem. Apesar de uma temporada turbulenta, Rossi se concentrará em terminar a corrida final com a Monster Energy Yamaha MotoGP da melhor forma, antes de se mudar para a Petronas Yamaha SRT em 2021.

 

Franco Morbidelli e Fabio Quartararo, da PETRONAS Yamaha SRT, também chegam a Portimão ansiosos por terminar a temporada com um bom resultado, na batalha pelo vice-campeonato da MotoGP. Vencedor da sua terceira corrida da MotoGP no ano, em Valência, Morbidelli é agora o segundo na classificação do campeonato. O ítalo-brasileiro espera que a sua boa forma continue este fim de semana em Portugal..

 

Já Fabio Quartararo espera melhor sorte no circuito português, já que pretende tirar a desvantagem de pontos para o seu companheiro de equipe. Depois de duas corridas difíceis em Valência, o francês espera que um novo circuito o ajude a recuperar a sua boa forma e terminar a temporada no pódio. Quartararo chega à última prova do ano em quinto lugar na classificação da MotoGP.

 

A Petronas Yamaha SRT já garantiu o título de Equipes Independentes, pelo segundo ano consecutivo. A Yamaha está em terceiro na classificação de construtores e a Monster Energy Yamaha MotoGP está na quinta posição na classificação de equipes.

 

A corrida será no domingo, às 11h da manhã, horário de Brasília.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *