como tomar ivermectina 6 mg para sarna humana ivexterm chedraui ivermectina para cães serve para carrapato achat stromectol sans ordonnance ivermectin twitter ivermectina dosis plm

Mercado Internacional – Lotus revelou Emira GT4.

O mais novo brinquedo da Lotus tem 400 cv (298kW), denomina-se Lotus Emira GT4, e esta pronto para enfrentar a concorrência na competitiva categoria dos GT4. A Lotus, um dos nomes mais famosos do automobilismo mundial, passa a ter agora também um GT4. Hoje em dia temos GT4 como o Alpine A110 GT4, Aston Martin Vantage AMR GT4, Audi R8 LMS GT4, BMW M4 GT4, Chevrolet Camaro GT4.R, Ford Mustang GT4, McLaren 570S GT4, Mercedes-AMG GT4, Porsche 718 Cayman GT4, Toyota GR Supra GT4 e agora também o Lotus Emira GT4, um projeto desenvolvido em colaboração com a RML Group, num conceito de corridas ‘chave na mão’ que esta tendo lugar em todas as áreas do negócio e da marca Lotus.

 

Após o lançamento do Lotus Emira em julho, e a sua estreia no Goodwood Festival of Speed, Lotus e RML Group querem acrescentar sucessos à lendária história do automobilismo na Lotus.

Mais recentemente, isso tem sido feito com o Evora GT4, que venceu por exemplo corridas e campeonatos, incluindo no GT britânico, 24h do Dubai, Barcelona, etc. Depois de quase todos os carros de estrada modernos da Lotus terem tido irmãos de corridas, o Emira seguirá essa tradição.

 

O carro tem um motor Toyota V6 de 3,5 litros e a aerodinâmica GT4 otimizada derivada do design exterior do Emira: “O novíssimo Emira GT4 é um próximo passo emocionante após o lançamento com sucesso do Emira de estrada.

 

Trabalhamos arduamente com a RML para assegurar que esta nova geração de Lotus GT irá proporcionar um desempenho vencedor nas corridas”, disse Richard Selwin, gestor do programa de corridas da Lotus.

 

O Lotus Emira GT4 será lançado oficialmente no final deste ano num evento na pista de testes Hethel. A Lotus pretende construir um número limitado de Emira GT4 para a temporada 2022, aumentando a produção para 2023, em linha com a procura global.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *