Mercado Internacional – Ford vai fechar fábrica de motores no Reino Unido.

A casa da oval azul veio confirmar que vai fechar a unidade de produção de motores de Bridgend, liquidando 1700 postos de trabalho.

Depois de muitos rumores, chegou a confirmação que não se desejava: desesperada em colocar a operação europeia no caminho dos lucros, a Ford começou a cortar os custos. Primeira vítima é a fábrica de motores de Bridgend, no País de Gales, sendo que estes 1700 postos de trabalho não serão os únicos a serem liquidados.

A Ford enviou uma carta a todos os colaboradores explicando que as dispensas serão feitos por fases começado em setembro de 2020.

Stuart Rowley, presidente da Ford Europa, referiu que o Brexit não foi fator na tomada de decisão para a o fechamento de Bridgend, mas se o Brexit acontecer sem acordo, a Ford irá avaliar a situação e tomar algumas decisões. “Esperamos que não aconteça, mas se as coisas mudarem muito, teremos de rever o nosso plano de negócios.”

A fábrica galesa da Ford fecha porque o parque de 750 mil motores/ano é demais para aquilo que a Ford precisa, piorando o cenário quando se percebe que a cedência do motor AJ-V8 à Jaguar Land Rover está prestes a terminar e que o bloco 1.5 litros Ecoboost não está tendo tanta procura, o fechamento era inevitável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *