Fórmula Truck abre programação de treinos para etapa mais veloz da temporada.

Exatos seis meses depois de sua última apresentação em Brasília (DF), o Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck volta à capital do país para a quarta etapa da temporada de 2014. O GP Petrobras, neste domingo (8), vai marcar a volta da corrida no anel externo do Autódromo Internacional Nelson Piquet à primeira metade do calendário, depois de dez edição consecutivas, entre 2004 e 2013, como etapa de encerramento da competição.

A etapa em Brasília é a que apresenta as maiores médias de velocidade da Fórmula Truck, consequência óbvia das características do traçado de 2.919 metros do circuito. A pole position para a prova de 8 de dezembro de 2013 foi assinalada pelo paulista Paulo Salustiano com média horária de 148,143 quilômetros com um caminhão da Mercedes-Benz, marca que já conduziu seus pilotos à vitória em quatro das 12 edições da corrida.

Brasília está entre as praças que proporcionam maior média de público nos eventos da Fórmula Truck, com média histórica superior a 45.000 pessoas por prova. No GP Petrobras, os torcedores do Centro-Oeste brasileiro poderão presenciar um evento estatístico inédito: Leandro Totti, líder do campeonato, vê a chance de se tornar o primeiro piloto de toda a história da categoria a vencer as quatro primeiras etapas de uma mesma temporada.

Totti, representante de Londrina (PR), compete com um dos caminhões Volkswagen-MAN da RM Competições. Ele venceu as corridas realizadas nos autódromos de Caruaru (PE), Curitiba (PR) e Interlagos (SP), chegando a 92 dos 96 pontos que lhe seriam possíveis – total inatingível nesta etapa pelo vice-líder da competição, o paulista Felipe Giaffone, também da RM, que marcou 50 pontos com o único caminhão MAN do grid.

Se Totti tem manutenção a liderança do campeonato assegurada com qualquer resultado no GP Petrobras, são oito os nomes que podem finalizar a prova na vice-liderança. É a meta, por exemplo, de Geraldo Piquet, único piloto de Brasília na Truck. Piloto do Mercedes-Benz da ABF-Santos, ele perdeu a segunda posição na tabela de pontos na corrida em São Paulo e tenta retomá-la com a terceira vitória na etapa – ganhou em 2006 e 2007.

A meteorologia indica que o GP Petrobras transcorrerá sem chuva. Para sexta-feira (6) e sábado (7), segundo o Climatempo, a temperatura em Brasília oscilará entre 15 e 28 graus centígrados. No domingo, dia da corrida, a mínima será de 14 graus, com máxima de 27. O instituto descarta a possibilidade de chuva nos três dias do evento, parâmetro tomado pelas equipes para direcionar o trabalho de acerto dos 27 caminhões inscritos.

A programação do GP Petrobras em Brasília terá início na sexta-feira (6) com duas sessões de treinos livres de 60 minutos, cada, marcadas para as 11h e as 14h. No sábado (7) serão disputados dois treinos livres de 45 minutos, às 8h30 e às 10h15. A tomada de tempos classificatória vai começar às 13h, com transmissão ao vivo pelo site formulatruck.com.br. A corrida de domingo terá largada às 13h15, para 60 minutos de disputas.

CAMPEONATO BRASILEIRO DE FÓRMULA TRUCK
(Classificação entre os pilotos após 3 de 10 etapas)
1º) Leandro Totti (PR/Volkswagen-MAN), RM Competições, 92
2º) Felipe Giaffone (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições, 50
3º) Wellington Cirino (PR/Mercedes-Benz), ABF-Santos, 49
4º) Geraldo Piquet (DF/Mercedes-Benz), ABF-Santos, 43
5º) Roberval Andrade (SP/Scania), Ticket Car-Corinthians, 38
6º) Beto Monteiro (PE/Iveco), Scuderia Iveco, 26
7º) Danilo Dirani (SP/Scania), Ticket Car-Corinthians Motorsport, 22
8º) Paulo Salustiano (SP/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, 21
9º) Fabiano Brito (PR/Volvo), ABF Motorsport, 18
10º) Adalberto Jardim (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições, 16
11º) André Marques (SP/Volkswagen-MAN), RM Competições, 15
11º) Marcello Cesquim (PR/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, 15
13º) Diogo Pachenki (PR/Volvo), Copacol Clay Truck Racing, 12
14º) Luiz Lopes (SP/Iveco), Lucar Motorsports, 7
15º) Valmir Benavides (SP/Iveco), Scuderia Iveco, 6
16º) João Maistro (PR/Volvo), Copacol Clay Truck Racing, 5
16º) Raijan Mascarello (MT/Ford), DF Racing Fans, 5
16º) David Muffato (PR/Ford), DF Racing Fans, 5
19º) Pedro Muffato (PR/Scania), Muffatão, 3
19º) Jaidson Zini (PR/Iveco), Dakarmotors, 3
21º) Djalma Fogaça (SP/Ford), DF Racing Fans, 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *