Alta qualidade dos chassis Mercedes-Benz é assegurada por uma completa inspeção antes da entrega ao cliente

  • 100% dos chassis de ônibus da Mercedes-Benz passam por uma inspeção após a montagem da carroçaria antes da entrega do veículo
    •   Fruto de um trabalho em parceria, as equipes da Mercedes-Benz ficam baseadas nas instalações dos encarroçadores
    •   Mercedes-Benz realiza auditorias periódicas do processo de encarroçamento, contribuindo para a melhoria contínua junto às empresas do setor

Visando zelar pela alta qualidade dos chassis de ônibus da marca em todas as etapas de produção, a Mercedes-Benz do Brasil realiza um importante trabalho junto aos principais encarroçadores do País. Esta parceria resulta num abrangente e robusto processo de PDI (Pre Delivery Inspection ou Inspeção pré-entrega) antes do veículo completo ser liberado para o cliente.

“Nosso PDI é um grande diferencial da marca no mercado brasileiro”, diz Ricardo Silva, diretor geral de Ônibus América Latina da Mercedes-Benz. “Trata-se de uma verificação da interface de montagem da carroçaria no chassi”.

O executivo destaca outro importante diferencial da marca no País: “Somos os únicos fabricantes do setor a realizar uma inspeção desse porte em 100% dos chassis de ônibus nos encarroçadores parceiros. Isso nos dá as condições para assegurar a qualidade que é um atributo historicamente associado à estrela de três pontas em todo o mundo”, afirma Ricardo Silva.

Conformidade com o mercado e com os padrões Mercedes-Benz

O PDI consiste na inspeção visual e funcional dos ônibus equipados com chassis da marca, visando sua conformidade com as exigências do mercado e com os padrões de qualidade da Mercedes-Benz, explicitados nos manuais de encarroçamento de cada modelo de chassi e que seguem as diretrizes da Daimler Buses.

A equipe de PDI realiza a verificação final no chassi antes de ir ao cliente. Se houver correções no produto, somente após a aprovação dessas etapas pela equipe, o veículo é selado e liberado para a entrega.

A inspeção é realizada nas instalações dos próprios encarroçadores em boxes especialmente montados em espaços para esta finalidade. Os profissionais da Mercedes-Benz ficam baseados nessas empresas e acompanham todo o programa de produção, desde a preparação do chassi para receber a carroçaria até o encarroçamento completo. O processo de encarroçamento envolve, por exemplo, instalação das estruturas laterais, frontal, traseira e teto do ônibus, chicotes elétricos, chapas, pintura e acabamento. São verificados também todos os sistemas do veículo, como os de direção, freio, elétrico e pneumático, assegurando que sejam montados de acordo com o manual de encarroçamento.

No transporte do chassi desde a Mercedes-Benz, na sua preparação para o encarroçamento e na produção da carroçaria, alguns elementos de fábrica eventualmente podem ser danificados. Neste caso, a equipe do PDI verifica qual a origem do dano. Se um eventual problema é de responsabilidade da fábrica, a equipe realiza um trabalho em parceria com as áreas de Pós-Venda ou Engenharia visando a garantia do cliente. Se a responsabilidade é do encarroçador, a Mercedes-Benz envia um relatório detalhado para que sejam tomadas as providências. O objetivo é garantir que o veículo seja entregue ao cliente na mesma condição que saiu de fábrica.

Equipes de campo agilizam os processos

Iniciadas em 2005, as atividades de PDI para ônibus foram realizadas pelos concessionários da marca até junho de 2012, sob responsabilidade da área de Qualidade da Mercedes-Benz. A partir de então, o processo passou a ser conduzido com mão de obra própria, também sob gestão desta área, porém com equipes próprias baseadas em localidades como o distrito de Xerém em Duque de Caxias, RJ (cidade onde está sediada o encarroçador Marcopolo Rio), Botucatu (Caio e Irizar) e Lorena (Comil), ambas em SP,  Cascavel, PR (Mascarello), Caxias do Sul (Marcopolo, Volare e Neobus) e Erechim (Comil), no RS.

“Nossos concessionários continuam sendo parceiros muito importantes no processo, porque os reparos são executados com a sua mão de obra e fornecimento de componentes”, explica Jorge Vassilas, gerente da área de Qualidade da Mercedes-Benz do Brasil. “O foco do PDI é a inspeção do veículo, zelando pela qualidade do chassi que sai de fábrica e depois do ônibus que sai do encarroçador e é entregue ao cliente final. Consequentemente, contribuímos para a segurança do veículo, dos passageiros, do motorista e do trânsito nas vias”.

De acordo com o gerente, a Mercedes-Benz é referência de mercado pela complexidade e solidez do PDI, que complementa uma série de outros processos de qualidade dentro da Empresa, sempre com o objetivo de assegurar a excelência do produto no mercado. “Além disso, temos obtido também uma melhora significativa na sinergia com os encarroçadores”, diz Jorge Vassilas. “Isso se deve ao trabalho de uma equipe extremamente experiente, competente e totalmente comprometida com a qualidade que é um atributo da marca Mercedes-Benz”.

O gerente destaca ainda que a área de Engenharia da Mercedes-Benz dá um importante suporte ao desenvolver instruções para os processos de alongamento ou encurtamento dos chassis. Esta é uma referência muito importante para o PDI desde a produção até a liberação do veículo. Os engenheiros da fábrica avaliam a interface entre os chassis e diversas carroçarias das empresas parceiras, trocando informações e desenhos de projetos e fazendo acompanhamento em várias fases do processo, visando sempre garantir a interface chassis/carroçaria de acordo com as diretrizes de encarroçamento da Mercedes-Benz.

Auditorias de processos de encarroçamento

O foco da Mercedes-Benz com a qualidade no encarroçador não se limita à produção. Os engenheiros da área de Qualidade efetuam auditorias do processo de encarroçamento, abrangendo desde a chegada do chassi na empresa até a saída do veículo para o cliente após o PDI.

A auditoria avalia aspectos como o transporte do chassi pelas empresas contratadas pelos encarroçadores, controle de entrada, armazenamento e segurança, preparação do chassi, encarroçamento propriamente dito. Todos os dados captados no PDI são lançados num sistema corporativo e ficam disponíveis para várias áreas, como Qualidade, Engenharia, Produção, Pós-Venda e Garantia.

20150416_cf17705ad0e6415c8ebd13da0184b63b_pdi-7 20150416_cc74ffeff0ad442385405b4b578d2314_pdi-capa 20150416_a64eab74e504477fbd5d7dcd41d9043d_pdi-1 20150416_6f0b18a54553430d95d5c0b6f863c261_pdi-6

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *