Mercado Americano – Mercedes paga multa de 13 milhões de dólares.

A Mercedes EUA aceitou pagar uma multa de 20 milhões de dólares, dos quais 7 milhões ficam em suspenso, pela forma como não lidou com uma chamada á oficina de alguns dos seus modelos.

 

Segundo os termos do acordo, a marca alemã aceitou pagar 13 milhões de dólares, mais 7 milhões se não cumprir os termos do acordo, de multa à NHTSA devido ao seu comportamento no recall de 1,4 milhões de unidades, exigido pela autoridade norte americana após uma investigação que se prolongou por mais de um ano.

 

É dito no acordo que a Mercedes falhou na notificação aos clientes durante a janela de tempo necessária para fazer a recolha dos veículos, não submeteu nenhum relatório sobre o andamento das reparações e voltou a prevaricar ao não lança dias campanhas de recolha como foi condenada a fazer.

Em comunicado, a Mercedes EUA diz que “acreditamos que não fizemos nada de errado de forma deliberada, mas, infelizmente, falhamos alguns prazos para informar a NHTSA das medidas que tomamos para resolver, definitivamente, as questões. Por isso, a Mercedes EUA aceitou resolver a situação, num esforço de responder a todas as questões da NHTSA e seguir em frente.”

 

A partir de agora, a cada trimestre, a Mercedes e a NHTSA vão se encontrar para discutir a forma como estão sendo feitos os recalls de veículos, com a casa de Sttutgart referindo que “estamos desenvolvendo procedimentos mais robustos no sentido de comunicar preocupações com eventuais não conformidades.”

 

Segundo um administrador da NHTSA, James Owens, “as exigências de relatórios por parte da agência ajuda a assegurar que os consumidores estão protegidos e que recebem toda a informação importante sobre como os seus veículos serão reparados durante uma recolha devido a um problema. Naturalmente, o que esperamos dos construtores é que sigam as suas obrigações legais com a agência e com os consumidores ao fazerem estas operações de recolha para reparação de defeitos.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *