José María López conquistou a pole-position para a etapa da Argentina do WTCC.

Neste sábado (7), o piloto da Citroën cravou sua melhor volta em Termas de Río Hondo em 1min45s461 e garantiu o posto de honra do grid com 1s240 de vantagem para Yvan Muller, o segundo colocado.

 

Defendendo o título do Mundial de Turimo, López não deu chances a concorrência no traçado de Santiago del Estero e sobrou ao longo de toda a sessão.

 

“Acho que ninguém exceto eu fez uma volta limpa no Q3”, disse José María. “Não é possível ter uma vantagem de 1s no Q3”, defendeu.

 

Eneacampeão do WRC, Sébastien Loeb foi 1s6 mais lento que López e ficou com o terceiro posto do grid. O francês chegou a ameaçar o domínio de Pechito ao longo dos treinos, mas cometeu um erro na parte final da pista de Termas de Río Hondo e não conseguiu nada melhor que a segunda fila.

 

O chinês Ma Qing Hua aparece para completar um top-4 completamente dominado pela Citroën, virando 1s742 mais lento que López. Único representante da Honda no Q3, Tiago Monteiro larga na quinta colocação.

 

Com seu melhor giro em 1min46s738, Tom Chilton ficou com o sexto posto do grid, à frente de Gabriele Tarquini, Stefano D’Aste e Tom Coronel. James Thompson completa a relação dos dez primeiros colocados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *