Fórmula 3 Brasil: Treinos produtivos em Curitiba para a PropCar Racing.

As equipes que disputam a liderança na Fórmula 3 Brasil movimentaram o Autódromo Internacional de Curitiba (AIC) no início desta semana, realizado dois dias de testes preparatórios para a quarta rodada dupla do certame, que terá as provas disputadas na região metropolitana da capital paranaense nos dias 01 e 02 de agosto.

“Os treinos foram muito produtivos. Esperamos excelentes resultados na próxima etapa com nossos quatro pilotos. Vamos analisar todos os dados e ver o que repassamos para os outros dois carros que não foram treinar”, espera Dárcio dos Santos, chefe da equipe PropCar Racing/Phinter/Menzoil/Lapizta, confiante em Rodrigo Baptista (HT Pro Nutrition), Nicolas Dapero, Matheus Muniz (Pillar Empreendimentos/Brasil Tractors/Grupo G.A./Águas Brasil/Zipco/Haidar/Mafiza/VerdeSolo), e Igor Fraga (Contuflex/Annel Distribuidora/Êxito Rent a Car/Help Car Plataformas Hidráulicas/Digifarma/WR Construtora).

A equipe PropCar esteve na pista com os carros de Matheus Muniz, vice-líder do campeonato na classe Light, e do argentino Nicolás Dapero, que estreou na classe principal na última etapa (Santa Cruz/RS), já conquistando uma terceira colocação.

“Foram dias muito bons e produtivos. O carro teve uma ótima performance e sem nenhum problema. Meu melhor tempo foi muito mais rápido do que a marca da minha pole position da corrida do começo do ano”, comemorou Muniz, de apenas 16 anos, que estreou justamente na primeira etapa deste ano, em Curitiba, quando terminou em segundo na sua classe.

“O Matheus esta bem confiante. Está bastante feliz com a performance do carro e os trabalhos dos engenheiros Renan Madruga e Fábio Almeida e do seu coach Renato Marlia. Ele se adapta muito bem ao circuito de Curitiba e percorreu varias voltas, fazendo simulação de corrida. Virou 1min13s40, baixando em mais de sete décimos de segundo o tempo de sua pole position (1min14s148) na classe Light na abertura do campeonato”, relatou o chefe de equipe Dárcio dos Santos. Esta marca daria condições a Matheus Muniz largar da primeira fila, ao lado de Pedro Piquet, atual campeão e líder do certame de 2015, que corre na categoria principal.

O argentino Nicolás Dapero teve um disco de freio traseiro quebrado, que foi substituído e não conseguiu aproveitar bem o primeiro dia de treino. No segundo dia a pista amanheceu molhada e ele preferiu sair à tarde, com pista seca.

“Experimentamos varias configurações de amortecedores, diversos tipos de acertos e progredimos no balanço do carro. Ao final conseguiu a marca de 1min12s40, muito próximo do tempo da pole position em fevereiro, que foi de 1min12s322”.

Os carros já retornaram para a sede da PropCar Racing em São Paulo, onde serão procedidas as revisões finais visando a rodada dupla do primeiro final de semana de agosto, em Curitiba, que encerrará a primeira metade do campeonato dos carros mais velozes da América do Sul.

Pontuação da Fórmula 3 após 6 corridas:
1) Pedro Piquet, 63 pontos;
2) Matheus Iorio, 55;
3)Rodrigo Baptista e Carlos Cunha, 41;
5) Arthur Fortunato, 33;
6) Christian Hahn, 17;
7) Fernando Croce, 14
8) Leonardo Souza, 12;
9) Ryan Verra e Gustavo Bandeira, 11;
11) Nicolas Dapero, 9;
12) Giuliano Raucci, 8;
13) Nicholas Silva, 2.

Pontuação da Fórmula 3 Light após 6 corridas:
1) Guilherme Samaia, 69 pontos;
2) Matheus Muniz, 47;
3) Pedro Cardoso, 36;
4)Andreas Visnardi, 26;
5) Igor Fraga, 21.

Visite www.formula3brasil.com.br
Visite www.propcar.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *