Fórmula 1 – Mercedes esta de olho em Max Verstappen.

Um dos talentos mais promissores da Fórmula 1 é claramente o holandês Max Verstappen. Estreou em 2015, ainda com 17 anos, pela Toro Rosso. Em 2016, foi para a equipe principal, a Red Bull.

Max Verstappen conta até agora com cinco vitórias, mas o grande objetivo continua a ser o campeonato. Apesar da Red Bull ter mudado para a Honda para tentar ser mais competitiva, se isso não suceder, Verstappen pode não continuar com a marca austríaca das bebidas energéticas.

Em entrevista, Helmut Marko, deu a entender que já há outras equipes atentas ao jovem promissor. A Mercedes é uma delas: “O Toto Wolff já falou com o Jos Verstappen há alguns meses. Mas sei que a cláusula de desempenho no contrato do Max [Verstappen] é segura e também sei que ele está confortável connosco. Sim, ele quer um carro que lhe seja capaz de dar um título mundial, mas não estou preocupado, pois estamos lhe dando o material necessário.”

Na Mercedes parece existir ainda alguma confusão quanto ao futuro. Lewis Hamilton acaba o contrato em 2020. Em 2019, Bottas tem que provar o suficiente para ficar e ainda há a questão de Esteban Ocon, piloto de reserva da Mercedes, e por isso, caso a Red Bull continue onde esta muito mais tempo, é bem possível, ou mesmo altamente provável que o holandês queira ir para uma equipe que lhe dê garantias de poder chegar a mais vitórias e a títulos…

Mas não só a Mercedes. A Ferrari também poderá chegar a Max Verstappen. Sebastian Vettel está preocupado com o futuro da Fórmula 1, dizendo que a competição está mais virada para o entretenimento do que para a parte esportiva, apontando para um possível abandono da modalidade a curto prazo:

“Muitos dos valores que costumavam estar presentes na Fórmula 1, agora mal se encontram. A Fórmula 1 está se tornando em entretenimento e negócio e menos num esporte. Sinto que estamos desperdiçando tempo e energia com regulamentos que não servem de nada. Este ano e para o próximo quero continuar a competindo aqui. Para 2021, não sei, ninguém sabe…”

Neste Contexto, Max Verstappen tem dois caminhos pela frente, pois não restam dúvidas a ninguém que um piloto como o holandês terá sempre lugar nas melhores equipes. Resta saber o que consegue fazer a Red Bull. Quanto ao holandês, cabe-lhe escolher o melhor para si, para tentar ter uma hipótese de conseguir chegar ao título mundial de pilotos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *