Porsche Cup – Nelsinho e Pedro Piquet apresentam o layout do carro para a etapa de São Paulo.

Nelsinho e Pedro Piquet vão competir em dupla pela primeira vez com carros de corrida no próximo sábado (6), em Interlagos. Os irmãos estarão a bordo do Porsche #45 na etapa de abertura do campeonato de endurance da Porsche GT3 Cup Challenge.

Nesta terça-feira (2), a dupla divulgou o esquema de cores do carro com o qual vão disputar a prova – antes, apenas em eventos de kart os irmãos fizeram tal parceria.“Acho que vai ser muito legal essa prova. Primeira vez que vou fazer uma corrida longa em autódromo. Até hoje só andei em kart e estou muito motivado”, disse Pedro Piquet.

“Acho que tenho bem a mão do carro e também o Nelsinho tem muita experiência com a questão de estratégia e pilotagem para essas corridas longas, então ele vai poder me ajudar nisso, mas certamente vou precisar ser um pouco mais conservador com o carro do que eu geralmente era nas corridas de 25 minutos do ano passado, andando muito forte o tempo todo”, disse o mais jovem dos Piquet, que se considera preparado fisicamente para a prova.

“Os carros são velozes, mas nem tanto quanto os fórmula que estou pilotando, então acho que o cansaço será mais mental que físico, porque são diversas voltas na sequência e no carro fechado o piloto sempre sente mais calor. Estou muito animado em competir com meu irmão e andar também com tantos outros pilotos bons que estão nesse grid”, acrescentou o piloto, que disputa a Fórmula 3 Europeia em 2016.

Nelsinho, por sua vez, relembra a experiência em provas de longa duração em Interlagos e celebra a oportunidade de pilotar com o irmão mais novo. “Nunca me esqueço das Mil Milhas de 2006, que vencemos de Aston Martin. Competimos com meu pai, Helio Castroneves e Cristophe Bouchut no carro. Foi muito especial porque acredito que aquela foi a última corrida do meu pai”, afirmou.

Sem dúvida é fantástico voltar a Interlagos dez anos depois para uma nova prova de endurance e acelerar junto com o Pedro. Já experimentei o carro da Porsche GT3 Cup em um teste de pré-temporada e fiquei muito impressionado. No ano passado meu pai testou, o Pedro disputou várias corridas e também meu irmão Geraldo fez uma etapa”, disse.

“Eu estava morrendo de vontade de acelerar esse carro em uma corrida também e fico feliz com essa oportunidade, então agradeço à categoria e aos patrocinadores que fizeram isso acontecer”, encerrou Nelsinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *