Novo MÉGANE R.S. TROPHY-R bate mais um recorde no circuito de Suzuka.

O MÉGANE R.S. TROPHY-R bateu um novo recorde de 2’25’’454 (mais de 3s de vantagem em relação ao recorde anterior) no emblemático circuito de Suzuka, no Japão, depois do recorde obtido no célebre anel norte (Nordschleife) do Circuito de Nürburgring, bem como em Spa-Francorchamps durante o evento R.S. Days, transmitido ao vivo no YouTube e no Facebook.

Esta é uma grande conquista tanto para a marca como para os aproximadamente 10.000 fãs do TROPHY-R e da Renault Sport: ao final de setembro de 2019, o Japão ocupava a primeira posição mundial na Renault Sport para a gama de veículos R.S., à frente da Alemanha e da França. O país também é o terceiro principal mercado do Mégane R.S., mesmo com a versão TROPHY não tendo ainda sido lançada no país.

  • Antecipando o sucesso do TROPHY-R junto aos seus fãs no Japão, no início deste ano foram realizados testes de desenvolvimento no circuito de Suzuka, para satisfazer melhor as expectativas específicas da clientela local.
  • O MÉGANE R.S. TROPHY-R é a versão mais recente da saga iniciada há 15 anos. Assim como seus antecessores, o modelo quebra novos recordes em circuito na categoria de modelos com tração dianteira de série, perpetuando a paixão pelo desafio e a performance que move a Renault Sport.
  • O novo Mégane R.S. TROPHY-R é o modelo de produção em série de maior performance já fabricado pela Renault.
    Apesar de ser equipado com o mesmo motor de 300 cv do Mégane R.S. TROPHY, o ganho de performance do Renault MÉGANE R.S. TROPHY-R se deve à redução do peso de até 130 kg, os trabalhos feitos na aerodinâmica e a evolução mais radical dos elementos de contato com o solo.
  • Apenas 500 unidades do Renault MÉGANE R.S. TROPHY-R estarão disponíveis em todo o mundo. Variação mais exclusiva da gama Mégane R.S., a versão TROPHY-R já tem uma clientela fiel no Japão. Mais de 50 unidades do MÉGANE TROPHY-R – algumas delas equipadas com o Pack Carbone Céramique – já foram reservadas pela Renault Japão e serão entregues aos seus felizes proprietários no 1º semestre de 2020.

“O Novo MÉGANE R.S. TROPHY-R bateu um novo recorde em sua categoria. O autódromo da vez foi Suzuka, o emblemático circuito do Japão. Esta performance tem uma grande importância para a pujante comunidade local de 10.000 fãs da Renault Sport e da assinatura TROPHY-R. Isso é resultado de uma série de testes específicos que realizamos localmente para melhor satisfazer suas expectativas e, assim, podermos fortalecer ainda mais o relacionamento com nossa vasta clientela internacional”, comentou Patrice Ratti, diretor geral da Renault Sport Cars.

Seguindo a tradição da Renault Sport, esta nova geração do MÉGANE R.S. TROPHY-R não deve sua performance apenas à potência pura. O motor de 300 cv é o mesmo que equipa o Mégane R.S. TROPHY, lançado no início de 2019. Já o MÉGANE R.S. TROPHY-R foi desenvolvido como carro de corrida, por uma enxuta equipe dedicada, que se concentrou em três pilares: máxima redução do peso (até 130 kg em comparação com o Mégane R.S. TROPHY sem opcionais), melhorias na aerodinâmica e uma evolução mais radical de seus eixos motores.

Dando continuidade aos recordes batidos nos circuitos de Nürburgring e Spa-Francorchamps, a paixão que move a Renault Sport levou a novos desafios. O Novo MÉGANE R.S. TROPHY-R estabeleceu um recorde oficial absoluto e um tempo de referência para um carro compacto de série no circuito de Suzuka, com traçado de 5,8 km e 18 curvas. O tempo recorde de 2’25’’454 foi conquistado em 26 de novembro por Laurent Hurgon, que já tem na conta inúmeros recordes ao volante de várias gerações do modelo.

O Mégane R.S. tem um histórico de recordes que ultrapassa os 10 anos, principalmente em Nürburgring. O primeiro foi em 2008, com o primeiríssimo recorde na categoria tração dianteira de série, quando o Mégane R.S. R26.R completou uma volta no Nordschleife em 8’17’’. A marca foi batida 3 anos depois, em 2011, pela segunda geração do Mégane R.S. na versão TROPHY, sob o comando do piloto de desenvolvimentos Laurent Hurgon (8’07’’97). Em 2014, foi vencida a marca dos 8 minutos (7’54’’36), com a versão TROPHY-R do Mégane III R.S.

O piloto também levou o Novo MÉGANE R.S. TROPHY-R a definir um novo tempo de referência de 07’40’’100 no percurso de 20,600 km da Nordschleife (07’45’’389 na volta oficial completa, de 20,832 km), em uma caça ao recorde onde derrubar mais um segundo se torna cada vez mais difícil. Também foi Laurent Hurgon quem bateu o recorde do circuito de Spa-Francorchamps (02’48’’338), transmitido ao vivo no YouTube e Facebook. Agora, Laurent Hurgon bateu um novo recorde, desta vez no circuito de Suzuka, no Japão. Do outro lado do mundo, a Renault Austrália acaba de bater o recorde de um veículo com tração dianteira em uma volta no circuito internacional do complexo The Bend Motorsport Park, de 4,95 km de comprimento. Pilotando um Mégane R.S. TROPHY-R de série, James Moffat (equipe Garry Rogers Motorsport) estabeleceu o tempo recorde de 2’14’’316. Ele participa do campeonato TCR Australia Touring Car Series com um Mégane R.S. TCR preparado pela Vuković Motorsport.

Foram produzidas apenas 500 unidades numeradas da série limitada MÉGANE R.S. TROPHY-R, com preço a partir de 55.000 euros (preço válido na França, podendo variar conforme o país).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *