Geely Cross Concept PHEV mostra tecnologia do futuro.

A Geely Motors do Brasil exibiu no Salão Internaconal do Automóvel o carro conceito FE-7, oficialmente denominado Cross Concept PHEV – Plug-in Hybrid Electric Vehicle, protótipo que adota um sistema elétrico baseado em tecnologia exclusiva da Geely Auto e construído sobre a plataforma FE – Framework Extendable, que será utilizada em vários futuros modelos da Geely e da Volvo Cars.

O Geely Cross Concept PHEV é movido por um motor à gasolina de 1.8 litro, 4 cilindros, com acoplamento auxiliar de dois motores elétricos. Respectivamente esses motores desenvolvem 138 cv/17,5 Kgf.m, 89 cv/24,5 Kgf.m (1º motor) e 55 cv/10,2 Kgf.m (2º motor). No modo híbrido, ou seja, com o motor a combustão + o motor elétrico maior, o outro elétrico de menor potência fica desligado (quando numa condução de média velocidade e aceleração). Em uma condução de alta velocidade e de plena aceleração, o motor elétrico menor somente entra em ação para carregar a bateria, funcionando como um gerador. O motor à combustão e os motores elétricos estão ligados por um sistema de transmissão de engrenagens planetárias. No modo EV de propulsão 100% elétrica, o protótipo tem autonomia de 50 km. Neste caso, o motor elétrico menor funciona em conjunto com o outro motor elétrico maior.

No modo híbrido, a autonomia total é de 650 km. O concept car alcança velocidade máxima de 190 km/h e faz de 0-100 km/h em 10 segundos.

 

Esse conjunto motor emite apenas 46 g de CO2 por quilômetro rodado.

 

Em paralelo à tecnologia empregada ao modelo FE7, seu visual é extremamente moderno. Mesmo parado, o concept car mostra todo o movimento aparente de suas linhas, desde a sua grade frontal e toda a parte inferior do automóvel, que arremetem ao dinamismo de um carro mais esportivo.

 

Assim como o seu habitáculo, em especial para que está dirigindo, o FE7 se mostra aprazível, proporcionando ao motorista a sensação plena de controle do automóvel.

 

geely_bx_1 geely_bx_6 geely_bx_7 geely_bx_detalhe_5 geely_bx_painel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *