Fórmula 1 – Vettel teria recusado primeira proposta de renovação na Ferrari.

Os rumores sobre o novo contrato de Sebastian Vettel continuam surgindo. A primeira proposta da Scuderia Ferrari teria sido recusada pelo alemão, cujo futuro permanece incerto.

 

Os primeiros rumores tinham dado conta de uma abordagem por parte da Scuderia muito abaixo do que seria a expectativa do piloto alemão. Falava-se de um contrato de um ano com valor de cinco milhões de euros. A La Gazetta dello Sport noticiou recentemente que a proposta feita teria sido de 12 milhões de euros com a duração de um ano. Em jogo está o grande corte no valor anual do contrato (Vettel recebe 40 milhões por ano) e a duração. Vettel normalmente quer contratos de três anos, mas neste caso aceitaria um contrato de dois anos. Nestas condições, Vettel teria recusado a proposta.

 

Resta agora saber se este é apenas um primeiro capitulo nas negociações entre ambas as partes ou se a Ferrari irá em busca de outros alvos. Daniel Ricciardo e Carlos Sainz parecem ser os favoritos para o lugar. Vettel tem adotado um discurso de team player, colocando os interesse da Ferrari acima dos seus e mostrando vontade de levar a Scuderia ao triunfo, mas não estará disposto a ver o seu valor diminuído de forma tão drástica.

Em primeiro lugar Vettel é um dos três campeões do mundo ainda em atividade, sendo os outros Lewis Hamilton e Kimi Raikkonen e vê assim legitimada a sua vontade de ter um contrato mais lucrativo. Por outro lado, Vettel quer experimentar os carros da nova geração para tomar uma decisão se fica na F1 por mais tempo ou se sai, por isso faz sentido ele querer se manter na Ferrari, pois terá mais hipóteses de ter sucesso, quer com este chassis, quer com o novo em 2022.

 

Se Vettel aceitasse um acordo com este valor, estaria diminuindo drasticamente as hipóteses de ter um bom contrato com outra equipe. Imaginando que Vettel aceitava e no fim de 2021 a Ferrari decide não renovar contrato, o alemão ficava numa posição negocial frágil, algo que certamente não pretende. Assim, a se confirmarem estes valores, Vettel foi quase obrigado a recusar e a Ferrari sabe disso, o que poderá mostrar também pouca vontade por parte da Scuderia em manter o alemão na sua estrutura. Será este o último ano de Vettel na Ferrari? Cenas dos próximos capítulos…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *