Fórmula 1 – Niki Lauda fez transplante de pulmão.

O tri-campeão do Mundo de Fórmula 1 e presidente executivo da equipe Mercedes de Fórmula 1 (além de acionista da equipe), com 69 anos, foi submetido, com sucesso, a um transplante de pulmão, depois de ter se sentido mal, na semana antes do GP da Alemanha, quando estava passando férias em Ibiza, chegando ao hospital, em Viena, com um quadro grave de tosse.

 

Recordamos que o austríaco sofreu danos nos pulmões quando do gravíssimo acidente que sofreu no Grande Prêmio da Alemanha de 1976, no Nurburgring, que quase lhe tirou a vida. Na ocasião e pelos materiais utilizados, muitos deles cancerígenos, o fogo que deflagrou no Ferrari fez o ex-piloto inalar muitos gases tóxicos, tendo ficado com marcas evidentes das queimaduras sofridas, nomeadamente, no couro cabeludo e na face.

 

O Hospital de Viena emitiu um comunicado dizendo que “devido a uma severa debilidade dos seus pulmões, Niki lauda foi submetido a um transplante de pulmões no dia de hoje. O transplante foi muito bem sucedido pela equipe do Dr. Walter Klepetko, responsável pelo serviço de cirurgia torácica e pelo Prof. Konrad Hotzenecker. Pedimos a maior compreensão para o fato da família não emitir nenhum comunicado oficial e solicitamos a proteção da privacidade da família Lauda.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *