Fórmula 1 – Bottas 0.027s na frente de Vettel no segundo treino livre para o GP da China.

Depois da Ferrari ter liderado o primeiro treino livre por intermédio de Sebastian Vettel, foi agora a vez da Mercedes, com Valtteri Bottas sendo o mais rápido, ainda que tenha batido o piloto da Ferrari por apenas 0.027s.

Desta feita, Max Verstappen colocou o seu Red Bull na terceira posição, embora tenha chegado ao final da sessão se queixando de um problema com a embreagem do seu RB15/Honda. O holandês terminou a sessão a 0.221s de Bottas.

Lewis Hamilton, no segundo Mercedes, foi apenas o quarto. O terceiro treino livre, nesta noite aqui no Brasil, já deverá dar uma indicação bem mais precisa da correlação de forças. De qualquer forma, tanto Lewis Hamilton, mas especialmente Charles Leclerc não conseguiram uma boa volta com os pneus mais macios, sendo que no caso do jovem da Ferrari, até foi apenas sétimo, atrás de Nico Hulkenberg (Renault) e Carlos Sainz (McLaren).

Charles Leclerc sofreu um pequeno revés ao perder a segunda metade da sessão enquanto a equipe verificava o sistema de arrefecimento do carro como forma de precaução. O piloto da Ferrari estava usando a mesma unidade motriz que o deixou ‘sem forças’ no Bahrein.

Lewis Hamilton foi o mais rápido em pista com pneus médios, mas não fez uma boa volta com os pneus mais macios, terminando apenas meio décimo mais rápido que o Renault de Nico Hulkenberg, o que justifica a sua posição na tabela de tempos.

A Renault voltou a colocar um dos seus pilotos perto do pelotão da frente, desta feita com Hulkenberg em quinto, na frente de Sainz, com a McLaren a mostrar bom andamento, já que Lando Norris confirmou o bom desempenho dos homens de Woking e foi o oitavo, na frente do segundo Renault, o de Daniel Ricciardo.

Novamente muito abaixo do esperado para quem tem um Red Bull esteve Pierre Gasly, que foi 0.9s mais lento que Max Verstappen, colocando o seu monoposto na décima posição.

Com os Renault e McLaren mostrando já boa forma, desta feita Kimi Raikkonen posicionou o seu Alfa Romeo bem mais à frente, na 11ª posição (foi 15º na 1ª sessão), os dois Toro Rosso ficaram logo a seguir, com Alexander Albon na frente de Daniil Kvyat, , depois cieram os dois Racing Point, com Lance Stroll na frente de Sergio Pérez, com os dois Haas em 16º e 17º.

Romain Grosjean foi 17º depois de perder uma asa dianteira, que parece ter partido do lado direito. O piloto da Alfa Romeo, Antonio Giovinazzi, que não andou na maior parte da primeira sessão com um problema de motor, foi 18º à frente dos dois pilotos Williams, com Robert Kubica na frente de George Russell.

A Veloxtv esta ao vivo com o canal de transmissão da Fórmula 1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *