Ford aponta as tendências dos novos consumidores globais.

A Ford divulgou seu relatório anual de tendências para o futuro, com foco nas mudanças que a chamada Geração Z começa a trazer para o mercado e para o setor automobilístico em particular. Chamado “Looking Further with Ford 2015”, o estudo traz dados e reflexões acerca dos hábitos de consumo globais e comportamentos que devem moldar a cultura em 2015 e nos próximos anos.

 

O relatório da Ford se baseia em uma tendência principal: “Abram caminho para a Geração Z”. A Geração Z, que sucede os “Millennials”, é a primeira geração verdadeiramente global, nascida em uma cultura voltada para a tecnologia. Com experiência digital e socialmente conscientes, esses consumidores ainda são na maioria adolescentes. Eles devem representar mais de 20% da população mundial e estão ajudando a definir as novas tendências.

 

“A demografia é um fator essencial no trabalho de planejamento do futuro e o que conduz o nosso relatório para 2015 é esse consumidor emergente da Geração Z, que já está inspirando atitudes e comportamentos em consumidores de todas as idades”, diz Sheryl Connelly, gerente de tendências do consumidor global e planejamento futuro da Ford. “Vimos traços semelhantes com os Millennials, mas os consumidores da Geração Z são muito mais ligados e conscientes das opções disponíveis e têm uma ligação com cada uma das nossas 10 microtendências para 2015.”

 

Apesar de questões atuais como as mudanças climáticas, as ameaças à privacidade, epidemias e conflitos geopolíticos, há um otimismo no ar. Como pano de fundo, o relatório da Ford destaca o rebelde moderno que trabalha para desafiar as convenções e criar novos padrões, assim como a existência de pessoas mais motivadas que nunca para assumir riscos na busca pelo sucesso, o que começa a acabar com o estigma do fracasso. Esse espírito de determinação faz surgir novas formas de consumo colaborativo e mobilidade, trazendo mais liberdade de pensamento e ação.

 

Impacto nos produtos

Os especialistas da Ford monitoram as mudanças nas áreas social, tecnológica, econômica, ambiental e política para entender o que move as atitudes e comportamentos dos consumidores e como isso impacta o setor automotivo. As suas reflexões orientam os designers e engenheiros no desenvolvimento dos futuros produtos da marca e também mostram aos profissionais de marketing o que os clientes das novas gerações esperam da experiência de compra e propriedade de um carro.

 

O estudo enfoca uma ampla gama de microtendências que afetam os negócios e os consumidores, com base em anos de pesquisa qualitativa e quantitativa, com a colaboração de líderes de pensamento de todo o mundo.

 

“A compreensão profunda da constante evolução das necessidades, desejos e prioridades dos clientes – hoje e amanhã – é chave para o nosso negócio e estratégia global de desenvolvimento de produtos”, diz Connelly. “Essas tendências e reflexões nos ajudam, como inovadores, na criação de produtos que não só superem as expectativas, mas ultrapassem os limites da imaginação.”

 

Tendências para 2015

Segundo o estudo da Ford, as 10 principais tendências que vão influenciar os consumidores e marcas em 2015 são:

  1. Abram Caminho para Geração Z – Com pressão significativa e grandes expectativas, a Geração Z tem um mantra simples: “As coisas boas vêm para aqueles que agem”.
  2. Renegados e Rebeldes – A sociedade sempre amou as pessoas que têm coragem de assumir riscos, mas o mercado nunca esteve tão receptivo àqueles que ultrapassam limites e quebram barreiras.
  3. Ostentação do Fracasso – O estigma do insucesso está acabando rapidamente. Em uma época de mudança constante, o único verdadeiro fracasso é deixar de tentar melhorar e evoluir.
  4. Movimento de Carregar Menos – Os consumidores de hoje não querem carregar coisas e, cada vez mais, não precisam fazer isso. Novas tecnologias, como dispositivos portáteis e aplicativos de smartphones, estão transformando a maneira como os consumidores pagam por produtos e serviços, como e onde as empresas interagem com os clientes e a quem as pessoas confiam suas informações mais valiosas.
  5. Sem Amarras – Em um mundo onde a inovação é tão rápida, ninguém quer ficar para trás com um produto que se tornou ultrapassado ou obsoleto. O resultado é uma nova mentalidade “a la carte”, que valoriza mais o acesso que a propriedade.
  6. Expandindo o Parentesco – Enquanto as famílias e comunidades tradicionais tornam-se menos dominantes, o conceito de família está se adaptando, evoluindo e expandindo de maneira mais pessoal.
  7. Compartilhamento e Privacidade – A privacidade tornou-se uma questão de equilíbrio delicado. Há uma negociação entre a informação que os consumidores estão dispostos a compartilhar e os benefícios que recebem em troca.
  8. Saúde Ilusória – O esforço desordenado para informar os consumidores sobre hábitos de vida mais saudáveis criaram confusão e uma população global mais obesa e doente. No meio desse barulho, os consumidores precisam de um sinal claro para transformar a informação em ação.
  9. Arte do Escapismo – Na cultura atual, conectada 24 horas e sete dias da semana, o desejo de se afastar mental e fisicamente continua atraente. As pessoas buscam cada vez mais aventuras de imersão, elevando o escapismo a uma arte refinada.

10.  As Várias Faces da Mobilidade – Em uma era de constante inovação, a mobilidade está superando a definição da palavra, na medida em que os conceitos de transporte e comunicação convergem.

RelatórioTendências2015-_GeraçãoZ RelatórioTendências2015-_Renegades-Rebels

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *