FIA WEC – MTEK à espera da BMW.

A decisão da BMW em se retirar do WEC não foi uma completa surpresa para a MTEK, estrutura que colocava em pista os M8 GTE da marca alemã, mas está ocorrendo algumas implicações.

A equipe esperou pela decisão final que foi dada no último dia em que era permitido entregar a inscrição para a temporada 2019/2020. Assim a equipe alemã, que tem um contrato exclusivo com a BMW espera pela decisão da marca para saber o que vai fazer na próxima época, como explicou Ernest Knoors:

” Não podemos continuar no WEC porque a decisão de sair do campeonato foi tomada no último dia do prazo para nos inscrevermos para a próxima temporada “, disse Knoors ao Motorsport.com. “É difícil encontrar um novo projeto imediatamente, mas temos de manter nosso pessoal empregado. Temos um contrato exclusivo com a BMW, portanto, espero que eles assumam sua responsabilidade e nos dêem a oportunidade de continuar de maneira adequada. Sabíamos que o projeto estava sob revisão. Não foi completamente inesperado, mas apenas se tornou definitivo quando a decisão foi tomada. Temos que aceitar e seguir em frente “.

“Trabalhamos muito duro e agora chegávamos ao ponto em que podíamos começar a colher os frutos de nosso trabalho”, disse Knoors. “É uma pena não podermos continuar, percebendo o potencial do carro. Não apenas para nós, mas também para a BMW. Eles perderam uma oportunidade de ter bons resultados. É uma oportunidade perdida.”

O regresso ao DTM não parece agradar à MTEK que está agora estruturada para corridas de endurance.

Quanto ao BoP, o responsável da equipe esperava já que este fosse desfavorável, tendo em conta os últimos desenvolvimentos. A BMW viu um aumento no peso do carro e uma diminuição na potência do carro o que tem implicações significativas.:

“Teríamos gostado de ver outra coisa, mas não é uma surpresa. Se eles nos disserem para correr com três rodas, vamos correr em três rodas. O BoP não está ajudando, mas qualquer coisa pode acontecer aqui. Teremos que garantir que o carro seja o mais rápido possível sem erros. Se isso é bom o suficiente para uma vitória, então ótimo. Se não, então é tudo o que pode fazer.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *