Felipe Massa disputa o Porsche Cup Endurance Series em dupla com Lico Kaesemodel.

Felipe Massa tem data marcada para voltar a competir no Brasil. O vice-campeão da F1 em 2008 vai disputar o Porsche Cup Endurance Series em dupla com Lico Kaesemodel. A corrida de abertura do campeonato acontece no Velocitta no próximo dia 19.

Dono de um currículo vencedor e sexto colocado no ranking dos pilotos com maior número de largadas na F1 (foram 269 Grandes Prêmios), Massa terá uma série de experiências inéditas em seu desafio na Porsche Cup.

O piloto de 39 anos de idade nunca competiu com o carro da Porsche Cup, nunca disputou uma corrida no Velocitta e tem pouca quilometragem com carros de turismo -disputou apenas quatro provas em 23 anos correndo de carro.

Neste ano, antes da pandemia paralisar o esporte a motor no Brasil, Massa teve contato com o Porsche 911 GT3 Cup geração 991-II em Interlagos e se animou para participar do campeonato.

Seu companheiro é nada menos que Lico Kaesemodel, dono de três títulos com os carros de corrida mais produzidos no planeta, autor da pole na última etapa de Sprint da Carrera Cup e terceiro colocado na tabela de pontos do campeonato de corridas curtas.

O piloto paranaense não apenas tem histórico positivo com o carro que vai compartilhar com Massa, como um formidável retrospecto no Velocitta. Sua primeira pole na categoria foi conquistada em Mogi Guaçu na temporada 2015. Depois ele venceu mais duas vezes nas corridas de Sprint e uma em prova de Endurance na mesma pista.

O Porsche Cup Endurance Series tem três corridas, sendo as duas primeiras de 300 km: Velocitta em 19 de setembro e Goiânia em 24 de outubro. O campeonato termina em Interlagos, com corrida de 500 km no dia 6 de dezembro.

O que eles disseram:

“Fico feliz em participar dessas três corridas da Porsche Cup Endurance Series. Logicamente já passei por diversas categorias do esporte a motor mundo a fora, inclusive a Fórmula 1. Apesar de toda essa bagagem no automobilismo, fiz apenas duas corridas nos carros de turismo com a Alfa Romeo, ainda quando eu tinha apenas 18 anos no campeonato de Superturismo na época. Além das duas corridas de duplas na Stock Car, uma na prova de duplas e outro na do Milhão. Esta é a minha experiência nos carros de turismo.

Antes da pandemia consegui acelerar o 911 GT3 Cup pela primeira vez em Interlagos e achei uma experiência bem bacana, foi muito bom em dirigir o carro, o que me deixou entusiasmado em poder participar da Endurance Series.

É um prazer imenso poder aprender uma categoria nova, além de me divertir. Mas, com certeza, vou dar o meu máximo dentro da pista para vencer também na Porsche Cup. Vai ser bacana competir com os pilotos do grid da Cup e com todos os demais que competem nas provas longas.

Espero que tenhamos um ótimo resultado e uma bons momentos nessa corrida no Velocitta.

Queria agradecer especialmente ao Dener Pires por viabilizar minha primeira experiência dentro de um Porsche Cup na Endurance Series.”

Felipe Massa

“Estou bem motivado a voltar a correr na Endurance depois de um ano parado. E com um novo parceiro que andou de F-1 muito tempo, o Felipe Massa. Eu já tive uma ótima parceria com ex-F-1, o Ricardo Zonta, com quem conquistei o título da Endurance de 2018 e fui campeão na Overall no mesmo ano. O Velocitta é uma pista que gosto muito, já fiz pole e ganhei corrida lá. O Felipe tem pouca experiência com carro de Turismo, e no que eu puder ajudá-lo a pegar a mão do carro eu farei. E claro, temos o Thiago Meneghel, nosso experiente chefe de equipe. Estou muito animado. Vamos com tudo buscar esse bicampeonato”

Lico Kaesemodel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *