Bottas vê Williams como time capaz de ser campeão.

Quarto em 2014, quinto em 2015 e somando oito pódios ao todo nestes dois anos, Valtteri Bottas está feliz com a equipe Williams. O companheiro de Felipe Massa iniciou sua carreira na Williams ainda em 2012, quando fez grande parte das sextas-feiras substituindo Bruno Senna.

Em 2013 ele entrou no lugar do brasileiro no time principal. A que poderia ser lembrada como uma boa primeira temporada foi um pesadelo, com o piloto marcando apenas quatro dos cinco pontos do time.

Porém, desde então, a Williams vem em uma ascendente constante. O time se consolidou no top-3 da F1 nos últimos dois anos se aproveitando dos novos regulamentos. Para Bottas, seu tempo na equipe marcou uma mudança geral na mentalidade de todos.

 

“É tudo muito mais profissional agora. Hoje estamos como uma equipe vencedora”.

 

“Naquela época, em 2012 e 2013, estávamos acostumados com resultados ruins, era algo normal. E quando o carro não é bom, outras áreas como pit stops também começam a piorar. Obviamente não é muito fácil de manter a motivação.”

“Mas as coisas melhoraram. Temos também gente nova aqui hoje em dia, como Pat Symonds. Para mim ele foi a chave. Temos hoje um líder técnico para a equipe. Para mim é como se fosse uma equipe nova, diferente do que eu via.”

Perguntado se a Williams ainda poderia dar um passo à frente e lutar com Mercedes e Ferrari, Bottas esbanjou confiança.

“Não é impossível”, falou.

“É muito difícil, como é tudo dentro da Fórmula 1. Mas não diria impossível. Quem sabe não encontramos algo especial na pré-temporada e podemos começar a ganhar corridas de novo.”

“Só precisamos nos manter focados em nosso trabalho, acredito que estamos bem. Mas, como disse, não é fácil.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *