Avaliação da Semana – Fiat Cronos Precision 1.8 Automático; segurança, dirigibilidade e conforto pontos marcantes no sedã.

Caros amigos da VELOXTV, um feliz ano de 2020 a todos.

Após nossa folga de final de ano, voltamos a todo vapor e nada melhor do que começar os trabalhos com um dos sedãs mais vendidos e procurados do Brasil; o Fiat Cronos Precision 1.8 Automático.

Um das características do Cronos é a robustez de sua carroceria aliada ao bom acabamento interno. Tivemos a oportunidade de passar uma semana com a versão topo-de-linha Precision 1.8 automática, equipada com praticamente todos os opcionais disponíveis. É hora de contarmos as impressões que o veículo nos deixou durante este convívio diário!

O design do Cronos chama a atenção de cara com a frente diferenciada do Argo. Capô, grade frontal (com pintura preto-brilhante e frisos cromados), para-choque e alojamentos dos faróis de neblina são privativos do sedã e são harmônicos. Nos para-lamas dianteiros, uma flecha prateada contém o nome da versão.

De design acertado, por fora o Cronos tem linhas mais elegantes, e a tela multimídia de 7 polegadas melhor posicionada para leitura e manuseio do motorista. As partes cromadas na parte exterior da porta, na frente e nas maçanetas, dão um toque de sofisticação ao modelo.

 

Lateralmente, o principal destaque são as bonitas rodas de 17 polegadas, com pneus 205/45 (opcionais que substituem as rodas de 16 polegadas, também de liga leve, com pneus 195/55). Apesar do perfil um pouco mais baixo, o Cronos continua transmitindo conforto ao passar em pisos irregulares. Outro ponto digno de nota são os detalhes cromados (maçanetas e frisos na parte inferior das portas), que são opcionais na versão Precision manual e de série neste modelo automático.

 

Ao entrar no Cronos é fácil acertar a posição dos bancos e comandos, além de conectar rapidamente o smartphone ao sistema de telefonia do carro. A ergonomia do Cronos é boa facilitando a dirigibilidade para o motorista.

 

O interior do Cronos segue transmitindo a boa impressão do estilo exterior. As formas modernas do painel trazem texturas e elementos interessantes, a tela do sistema multimídia fixada pela base, a cúpula do quadro de instrumentos vazada ao centro e as três saídas de ar circulares.

 

Revestido de couro, com ótima ergonomia e regulagem de altura e profundidade, o volante do Cronos traz os principais comandos à mão. O raio esquerdo concentra os comandos do computador de bordo e, mais abaixo, a operação do telefone. Do lado direito, há os controles do cruise-control, que mantém a velocidade programada (acima de 40 km/h) e libera o pé direito em locais onde seja possível manter uma velocidade constante. O controle automático de velocidade é cancelado mediante o acionamento do freio e desativado ao apertar o botão central.

 

O Cronos transporta cinco adultos sem aperto e sua mecânica (motor e câmbio) embora não seja a mais sofisticada do segmento, não frustra o motorista nas arrancadas e ultrapassagens.

 

Os passageiros de trás contam com porta-revistas, alças retráteis de teto e, no fim do console, uma entrada USB com moldura iluminada. Tanto o encosto bipartido quanto o assento são rebatíveis, o que facilita a acomodação de objetos mais longos em uma superfície mais plana, e os encostos de cabeça praticamente não interferem na visão pelo espelho interno quando embutidos.

 

MOTOR 
Dianteiro, 4 cilindros, transversal, 1.743 cm3, 16V, aspirado, com 139 cv de potência com etanol e 135 cv com gasolina a 5.750 rpm.

Torque de 19,3 kgfm com etanol e 18,8 kgfm com gasolina, ambos a 3.750 rpm.

No período de avaliação o modelo fez com gasolina 10,3 km/l na cidade e 14,9 km/l na estrada.

 

CÂMBIO
Automático de 6 velocidades. Outra boa característica do Cronos é o acerto macio de sua suspensão, sem perder a estabilidade nas curvas.

 

TAMANHO E ESPAÇO
No comprimento, o Cronos tem 4,36 metros e um grande porta-malas de 525 litros.

NA DIREÇÃO

Dirigir o Cronos automático é uma experiência muito agradável, por diversos fatores. A começar pela direção elétrica que traz a progressividade esperada, sendo bem leve nas manobras de estacionamento e ganhando peso conforme a velocidade, além de contar com diâmetro de giro razoável (10,5 metros). O silêncio ao rodar, favorecido com medidas como a aplicação de manta sob o capô e espumas nos vãos entre os para-lamas dianteiros e as portas, é notável. A visibilidade também é boa para a frente e pelos retrovisores. Também chama a atenção o conforto transmitido pelo conjunto de suspensão (esquema McPherson na frente e com eixo de torção atrás).

 

NOSSA AVALIAÇÃO

A seguir falaremos de forma reduzida os pontos marcantes do Cronos Precision 2020.

A carroceria do Cronos possui um bom aproveitamento de espaço: pessoas de 1,80 metro de altura se acomodam com sobras de espaço na frente e atrás. Apenas no meio do banco traseiro há uma contenção no espaço para os ombros, mas as pernas continuam se posicionando bem. O porta-malas também conta com uma grande capacidade de 525 litros, além da ajuda do rebatimento parcial ou total do banco traseiro para se carregar objetos longos. O interior também traz vários locais para objetos, como porta-latas inclusive nas portas traseiras, porta-óculos no teto e variados porta-trecos no console central. Porém, celulares da “nova era” (com tela de mais de 5 polegadas e/ou capas mais grossas) não encontram um local 100% adequado para serem acomodados na cabine.

Nesta versão, que é a mais completa, o acabamento interno traz algumas diferenças diante das outras opções do Cronos. O Precision traz a faixa central do painel em vinho, e há opção de couro para bancos, volante e parte dos forros de porta dianteiros. No mais, o sedã traz plásticos rígidos texturizados no painel e portas, tapetes parcialmente em carpete, peças bem cortadas e encaixadas, além de fundos emborrachados para os nichos do console central e espuma para o porta-óculos. O carpete está em todo o porta-malas, inclusive na tampa.

O Cronos Precision traz os itens mais demandados pelos consumidores nesta categoria e ainda mais alguns mimos. Já sabemos que quem compra um sedã desse segmento não abre mão de central multimídia, direção elétrica, ar-condicionado digital, trio elétrico e sensor de ré, por exemplo.

A soma de recursos de segurança ativa e passiva é satisfatória no Cronos. Não há o resultado dos testes de impacto do Latin NCAP, mas de todo modo, o sedã da Fiat nos proporcionou um enorme amparo em situações como desvios rápidos de trajetória e também em curvas na estrada. Ajudaram os controles de tração e estabilidade, os freios ABS que permitem seguir uma trajetória retilínea mesmo em frenagens bruscas, e a assistência progressiva da direção. Há ainda itens como auxiliar de partida em subidas, cintos dianteiros com pré-tensionadores, apoios de cabeça e cintos de 3 pontos para todos, fixações estruturais ISOFIX e Top Tether para as cadeirinhas, entre outros.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *