Acessórios automotivos previnem assaltos nas rodovias no retorno das férias

Manter uma distância mínima do veículo da frente e não parar caso o automóvel seja atingido por algum objeto também podem evitar abordagens criminosas

Os assaltos nas estradas são muito frequentes, principalmente no retorno das férias, quando as rodovias estão mais movimentadas. Os bandidos aproveitam o tráfego intenso para roubar os motoristas, muitas vezes desatentos e com os vidros abertos. Também é comum os criminosos atirarem objetos, provocando a parada do veículo e criando, assim,  oportunidade para a abordagem.

 

Para prevenir e minimizar estas situações, Alexandre Jordão, gerente de Aftermarket da Pósitron, empresa líder em segurança automotiva, elenca algumas recomendações.

 

Instalação de acessórios

 

Travas elétricas

 

Além de o equipamento proporcionar praticidade, uma vez que possibilita o travamento automático das portas após ligar a ignição, é um dispositivo de segurança, pois impede que o usuário esqueça o veículo aberto.
As travas também podem ser acionadas por meio do interruptor do descansa-braço, ou direto no painel, o que proporciona mais conforto e agilidade.

 

Vidros elétricos

 

Caso o motorista perceba algum movimento estranho ao redor, poderá agir de forma rápida, aproveitando as tecnologias que acompanham os vidros elétricos. As principais são:

 

  • Subida dos vidros com apenas um toque rápido nos interruptores;
    • Função “botão remoto”, que permite a subida dos vidros, inclusive o do passageiro e os traseiros, ao pressionar qualquer interruptor do automóvel.

 

Películas antivandalismo

 

As películas antivandalismo são úteis em caso de tentativas de roubo ou furto. Essencialmente, impedem que os vidros sejam estilhaçados em consequência de algum impacto. A proteção não é eficaz contra grandes choques, como de um tiro, por exemplo, mas evita muitas situações de risco.

 

Caso o veículo seja atingido, a Polícia Militar Rodoviária recomenda que, se possível, o motorista prossiga e pare somente em local seguro, como postos de gasolina ou restaurantes.

 

Rastreadores

 

Se, mesmo com todos os cuidados, o veículo for roubado, o rastreador, dispositivo de monitoração mais sofisticado, pode mostrar sua localização em tempo real, facilitando a recuperação.

 

“Os equipamentos automotivos minimizam os casos de roubos. Porém, os motoristas devem estar sempre atentos ao que acontece ao redor, por meio dos espelhos retrovisores. É importante também manter uma distância mínima do veículo da frente, facilitando a manobra em caso de emergência”, ressalta Jordão.

 

O executivo recomenda, ainda, que qualquer atitude ou ação suspeita sejam informadas imediatamente ao sistema 190 da Polícia Militar. Além disso, em caso de assalto, é essencial que as pessoas não reajam ou façam movimentos bruscos. “Manter a calma e entregar o que o assaltante quer são as maneiras mais rápidas e seguras de sair da situação de risco”, completa.
_____________________________________________________________________________________A PST Electronics, detentora da marca Pósitron, é líder em segurança automotiva, uma das principais fabricantes de som automotivo e referência no desenvolvimento de soluções tecnológicas em rastreamento e segurança eletrônica. Os diferenciais tecnológicos e a qualidade de seus produtos fizeram a empresa conquistar a liderança do mercado, posição que detém há mais de 15 anos.
A companhia é uma das principais fornecedoras de equipamentos genuínos para as montadoras de veículos na América Latina. Conhecida pela sua ampla gama de produtos e serviços, a PST Electronics desenvolve rastreadores, bloqueadores e alarmes para automóveis, motocicletas e caminhões, som automotivo, sensor de estacionamento, vidros e travas elétricas, painéis de instrumentos, além de alarmes e monitoramento residencial.
Atualmente, a empresa possui plantas em Campinas (SP) e Manaus (AM) e uma filial em Buenos Aires, na Argentina.
Desde 1997, a PST Electronics tem como sócio o grupo norte-americano Stoneridge, com presença na Europa, Ásia e Américas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *