A Honda apresentou no Salão de Nova York o seu primeiro carro para a classe GT3, o NSX GT3. O carro foi apresentado sob a marca Acura, a divisão de luxo dos japoneses para o mercado americano, que vai vender o novo super-desportivo híbrido nos Estados Unidos e Canadá.

 

Quanto ao modelo GT3, perde o sistema de motorização elétrica (ainda não previsto no regulamento da competição idealizada por Stéphane Ratel) mas mantém o propulsor 3.5 V6 biturbo, que deverá ter um nível de preparação semelhante ao usado nos sport-protótipos do IMSA WeatherTech SportsCar Championship. Todo o trabalho de desenvolvimento para o NSX GT3 está a ser feito na América do Norte pela Honda Performance Development (HPD).

 

Embora esteja prevista a sua homologação na FIA em outubro, o Honda NSX GT3 destina-se primariamente ao mercado americano, como o Pirelli World Challenge ou a divisão GTD do IMSA WSC, e estará disponível a partir de 2017.