Lewis Hamilton realizou uma grande corrida no GP do Brasil, pois ao partir do pitlane, em 20º, portanto, terminou na quarta posição, muito perto de Kimi Raikkonen. Não deu para chegar ao pódium porque os pneus ‘se acabaram’:

“Os pneus já não aguentaram até ao fim, mas foi muito divertido, parecia que estava no meu tempo do kart onde muitas vezes partia de último. Com o meu acidente na Q1, me coloquei na pior posição possível, mas penso que era rápido o suficiente para vencer a corrida se largasse na frente. Não consegui e por isso tive que trabalhar muito duro nesta corrida”, disse.

Hamilton foi o mair destaque da prova, fazendo muitas ultrapassagens e partindo para cima de todos os carros que estava á sua frente sem negociar muito, mesmo largando com o composto de pneu macio e depois de supermacio fazendo história em Interlagos.