Parece improvável que a Toyota anuncie qualquer decisão em relação ao seu futuro no Campeonato Mundial de Endurance na prova de Fuji, na sequência da saída anunciada da Porsche no final da temporada, e das anunciadas alterações aos regulamentos de LMP1. A equipe sediada em Colônia afirmou em um comunicado de antevisão da prova nipônica do FIA WEC que qualquer novidade “não será necessariamente” anunciada durante o fim de semana da corrida de Fuji. “As discussões sobre a futura participação da Toyota no WEC estão decorrendo com todos os acionistas”, lê-se no mesmo documento.

Normalmente a Toyota decide os seus programas esportivo durante a segunda metade de outubro. Isso significa que qualquer cancelamento do seu programa no FIA WEC não deverá ser comunicado antes do final do mês ou no início de novembro, Tanto quanto se sabe a equipe em Colônia está trabalhando nos TS050 Hybrid assumindo que o programa em LMP1 irá prosseguir em 2018, ainda que a tão propalada ‘Supertemporada’ – incorporando cinco corridas no próximo ano e três na primeira metade de 2019 – seja algo que desagrade a montadora japonesa. Além disso, as regras técnicas para a categoria ‘rainha’ do campeonato ainda estão sendo definidas, embora os primeiros passos para as mesmas tenham sido dadas numa reunião ocorrida há uma semana em Paris.