Apesar da vitória nas duas últimas edições das 24 Horas de Le Mans, e do título mundial de endurance, a Porsche pode estar prestes a  anunciar o fim do seu programa LMP1 no FIA WEC, no final de 2018. Disso mesmo se dão conta diversos rumores, nomeadamente os vindos da Alemanha, que apontam que já terá sido tomada a decisão em Weissach.

Com o forte investimento feito pela Toyota, será uma questão de tempo até que seja necessário a Porsche construir um novo 919 Hybrid. A equipe alemã esteve em testes esta semana em Barcelona, mas segundo a publicação Motorsport Aktuell o compromisso da marca germânica no FIA WEC poderá ser apenas até ao final de 2018, alegando que os diversos problemas que aconteceram no seio do Grupo Volkswagen e também a falta de capacidade para produzir um LMP1 inteiramente novo para as temporadas seguintes.

O congelamento dos atuais regulamentos e o acordo com a Toyota para manter o mesmo monocoque até ao final de 2019 poderá colocar o programa LMP1 da Porsche em teste, ainda que se fale de uma reavaliação do mesmo ainda neste verão. O Motorsport Aktuell avança que razões financeiras afastam a possibilidade da construção de um novo carro, e o Sportscar365 revela que as motivações também podem estar ligadas ao famoso caso ‘Dieselgate’, que afetou as marcas do Grupo Volkswagen.