F1 – Dinheiro de Sergey Sirotkin é para ”tornar o carro mais competitivo”; será?

A decisão da Williams em contratar Sergey Sirotkin foi, desde o início, associada ao apoio financeiro que o piloto russo levou consigo. Sirotkin ‘ofereceu’ 15 milhões de euros para ser contratado, mas Dmitry Samorukov, presidente da SMP Racing, que apoia a carreira de Sirotkin, disse que o investimento é direcionado especificamente ao desenvolvimento do monoposto.

 

“O lado financeiro do acordo é secreto, mas estamos muito esperançosos que a parte monetária será direcionada ao desenvolvimento de tecnologias, para o carro ser mais rápido e competitivo. Para ser ainda mais preciso: sabemos que a cooperação financeira com a Williams é destinada a melhorar o carro. Seja qual for o dinheiro, será para tornar o carro mais competitivo”, disse Samorukov.

 

Será que a Williams conseguirá dar a sua dupla de pilotos jovens que despejaram uma quantia relevante na equipe um carro competitivo, e também se caso conseguir dar este carro competitivo, será que a dupla de pilotos será capaz de fazê-lo andar no pelotão da frente?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *