Conheçam o Mclaren 570s Spider.

A versão spider do McLaren 570S é o quarto modelo conversível da marca, depois do 12C Spider de 2012, do 650S Spider de 2014 e do McLaren 675LT Spider de 2015. É a terceira variante do 570, depois do coupé 570S e do 570 GT. 33. Chega ao mercado este mês e as primeiras 400 unidades serão de uma edição especial de lançamento.

O 570 S Spider tem o mesmo sistema de capota já conhecido dos spiders 650S e 675LT, com um teto rígido formado por dois painéis que se abrem e fecham de forma automática, em cerca de 15 segundos. com velocidades até 40 Km/h. Por detrás dos bancos traseiros há um defletor em vidro que evita as turbulências de ar no cockpit.

Debaixo do seu capo dianteiro, o 570S Spider dispõe de um porta malas com 150 litros de capacidade. Na traseira, tem mais 52 litros de espaços para bagagem.

Tem como base um chassis monocoque em fibra de carbono e conta com o motor M838TE, um bloco V8 de 3.8 litros sobrealimentado por um sistema Twin-Turbo, colocado em posição central atr+as do habitáculo e que liberta uma potência máxima de 570 cv às 7.500 rpm e um binário de 600 Nm entre as 5000 e as 6500 rpm. A relação peso potência é de 419 cv por tonelada.

Com tração dianteira e uma caixa automática de 7 velocidades, está equipado com amortecedores adaptativos e freios cerâmicos de disco de 394 mm à frente e de 380 mm atrás. Nas rodas de dez raios e de 19 polegadas à frente e de 20 polegadas atrás monta pneus Pirelli P Zero Corsa de 225/35 e 285/35, respetivamente.

O Spider dispõe de uma nova cor para as pinças de freios, o Liquid Black, e de três novas cores para a carroceria: Vega Blue,Curacao Blue e Sicilian Yellow. O aileron traseiro é 12 mm mais alto que o do coupé, para compensar as alterações aerodinâmicas do Spider.

No interior, o painel de instrumentos é digital com um ecrã de 1º polegadas e o sistema de informação e entretenimento está associado a um tablet de 7 polegadas. Os bancos de série têm acabamentos em pele e Alcântara. Para os puristas, a McLaren disponibiliza a opção de uma backet em fibra de carbono, semelhantes às do McLaren P1.

O 570S Spider acelera dos 0-100 km/h em 3,2 segundos e atinge uma velocidade máxima de 328 Km/h. Trava dos 200 aos zero km/h em 5,3 segundos e 130 metros.

Para aumentar a sensação, o escape esportivo envia o som do motor diretamente para o habitáculo. Embora pouco interesse para quem compra um McLaren fica o registro, mera curiosidade, de que o consumo médio é de 10,7 litros aos 100 km.

As imagens do carro:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *